domingo, 30 de novembro de 2008

INVESTINDO NO FUTURO 2

Quando Moisés, de certa forma, despedia-se do povo de Israel, fazendo um retrospecto de tudo quanto haviam passado e dando instruções quanto ao futuro, na Terra Prometida, enfatizou que este futuro dependeria de sua atitude para com os seus filhos.


Nos seus discursos, registrados no livro de Deuteronômio, encontramos as seguintes instruções:


Deuteronômio 4.9-10: “Portanto, tenham cuidado e sejam fiéis para que nunca esqueçam as coisas que viram. E contem aos seus filhos e netos o que aconteceu no monte Sinai naquele dia em que vocês estiveram na presença do Senhor, nosso Deus, quando ele me disse: Reúna esse povo na minha presença para que escutem o que vou dizer, a fim de que aprendam a temer-me a vida inteira e assim ensinarem os seus filhos”.


Deuteronômio 6.2: “Temam o Senhor, nosso Deus, vocês, os seus filhos e os seus netos, e cumpram sempre todos os mandamentos e leis que eu lhe estou dando e assim vocês viverão muitos anos”.


Deuteronômio 6.6-7: “Guardem sempre no coração as leis que eu lhes estou dando hoje e não deixem de ensiná-las aos seus filhos. Repitam essas leis em casa e fora de casa, quando se deitarem e quando se levantarem”.

Deuteronômio 11.18-21: “Lembrem desses mandamentos e os guardem no seu coração. Amarrem essas leis nos seus braços e na testa, para que não as esqueçam, e não deixem de ensiná-las aos seus filhos. Repitam essas leis em casa e fora de casa, quando se deitarem e quando se levantarem, e as escrevam nos batentes das portas das suas casas e nos seus portões. Assim vocês e os seus descendentes viverão muitos anos na terra que o Senhor Deus jurou dar aos nossos antepassados”.


Deuteronômio 31.12-13: “Reúnam todo o povo – homens, mulheres, crianças e os estrangeiros que moram nas cidades onde vocês vivem – para que ouçam a leitura, aprendam a Lei, temam o Senhor, nosso Deus, e obedeçam fielmente a tudo o que a Lei manda. Assim os seus descendentes que ainda não conhecem a Lei de Deus também ouvirão a leitura e aprenderão a temer o Senhor, nosso Deus, durante todo o tempo em que viverem na terra que fica do outro lado do Jordão e que vai ser do povo de Israel”.

Nenhum comentário: