domingo, 14 de junho de 2009

DE MODO APODÍTICO = IRREFUTÁVEL


Foi trazido a Jesus um paralítico,

E de modo totalmente apodítico,

Foi percebido o seu poder e divindade,

Dando perdão ao homem, cura e liberdade.


Levantou no fariseu, um hipercrítico,

Que de coração é todo paralítico,

Murmuração, ingratidão e só censura,

Pois só lhe importa o legalismo e não a cura.


O doente levantou-se e foi andando,

Todo povo foi a Deus glorificando,

Nos amigos que o levaram só alegria,

Nunca mais esqueceriam aquele dia.


Cada um de nós faz parte desta história:

Somos multidão que a Deus dá honra e glória,

Ou como fariseu que em Cristo não acredita,

Ou como o coxo preso na nossa desdita.


Ou então somos os que tudo enfrentam,

Mas aos presos no pecado apresentam,

O Salvador, Cristo Jesus, libertador

Agindo sempre motivados pelo amor.


Gilberto Celeti


"Vieram, então, uns homens trazendo em seu leito um paralítico; e procuravam introduzi-lo e pô-lo diante de Jesus" (Lucas 5.18).

Nenhum comentário: