quarta-feira, 3 de junho de 2009

GRÃO QUE MORRE

Grão de trigo tão somente,
Se não morre é só semente,
Não tem como dar o fruto.
Mas todo que resoluto,

À sua vida não se apega,
Aos seus interesses nega,
Para a Cristo estar seguindo,
E onde for O estar servindo,

Haverá de ser usado,
Pra Cristo ser exaltado,
Pra que o fruto apareça,

Pra que sempre resplandeça
A Jesus, Verbo encarnado
Pelo Pai glorificado.

Gilberto Celeti

“Chegou a hora de ser revelada a natureza divina do Filho do Homem. Eu afirmo a vocês que isto é verdade: se um grão de trigo não for jogado na terra e não morrer, ele continuará a ser apenas um grão. Mas, se morrer, dará muito trigo. Quem ama a sua vida não terá a vida verdadeira; mas quem não se apega à sua vida, neste mundo, ganhará para sempre a vida verdadeira. Quem quiser me servir siga-me; e, onde eu estiver, ali também estará esse meu servo. E o meu Pai honrará todos os que me servem” (João 12.23-26).

Nenhum comentário: